advisor

Saúde oral: A importância do uso do fio dental

por Wildsmile

A placa bacteriana não é gerada apenas nas faces visíveis dos dentes, também se torna presente naquelas áreas onde os dentes colidam uns com os outros, o que torna impossível a sua remoção com uma escovação regular. É para essas áreas que o fio dental foi criado e o seu uso não deve ser esquecido.

Benefícios do uso do fio dental

• Elimina a placa

• Elimina aos restos alimentares

• Combate o mau hálito

• Previne o tártaro

• Previne as doenças periodontais

• Previne a cárie dentária


De acordo com a American Dental Association (ADA), o fio dental é a melhor ferramenta para combater a placa bacteriana. Além disso, remove os restos de comida que, como a placa bacteriana, geram a cárie dentária e são responsáveis pelo mau hálito devido à falta de higiene. Por outro lado, a placa bacteriana e o tártaro podem causar doenças periodontais, o que prejudica seriamente a saúde oral.

Conselhos para o uso do fio dental

• Frequência: a recomendação de cada dentista é usá-lo pelo menos uma vez ao dia, de preferência à noite. No entanto, o fio dental pode ser usado duas ou três vezes ao dia, especialmente se você sentir que restos de comida ficaram entre os dentes.

• Método de aplicação: o fio deve formar um C ao redor de cada dente e ser esfregado vigorosamente de cima para baixo para remover a placa. Todas as faces dos dentes devem ser cobertas pelo fio. Em nenhum momento a gengiva deve ser atingida, pois isso pode danificar o tecido gengival e causar retração.


Tipos de fio dental


• Fio dental de nylon: é constituído por um fio multifilamento, pode ser encerado ou não, e vem em versões sem sabor ou com vários sabores. Se você tiver dentes muito apertados uns com os outros, esse fio não é o mais adequado para você, pois se desgasta ou quebra facilmente.

• Fio dental em PTFE: com um único filamento, desliza sem ganchos ou rasgos nos espaços mais comprimidos. Essa vantagem representa um custo extra, por isso é mais caro que o nylon.


Em termos de eficácia, ambos cumprem perfeitamente a tarefa de remover a placa.


Consequências da não utilização do fio dental


• Sangramento das gengivas: o sangramento das gengivas pode ser devido a duas razões. Uma delas é a acumulação de placa, que gera hemorragia quando é removida. A outra é a gengivite. Portanto, a falta de uso do fio dental aumenta as probabilidades de desenvolver esta doença.

• Acumulação de tártaro: a escovação não remove o tártaro que se acumulou contra as gengivas. O fio dental é a única coisa que pode usar em casa e que faz remover o tártaro.

• Perda de dentes: à medida que a doença periodontal avança, a gengiva separa-se dos dentes, que ficam soltos, resultando na eventual perda de dentes.

• Cavidades: placa e tártaro que não podem ser removidos geram as cáries devido à alta presença de bactérias corrosivas.

• Pigmentação dentária: mais uma vez a presença da placa e do tártaro tem consequências. Neste caso, os dentes ficam amarelos na área ao lado das gengivas.

Tem alguma questão sobre este artigo?

Nós entramos em contacto!

* Campos obrigatórios

Branqueamento Dentário: Mitos

O branqueamento dos dentes é um processo que está no topo de sua existência. Ter dentes brancos tornou-se uma das prioridades estéticas de muitos de nós. Isso levou ao surgimento de mitos sobre o assunto.

Como realizar a Higiene Oral do seu bebé

A higiene oral é um dos hábitos que permanecerão com seu bebé ao longo da vida. Assim como tomar banho diariamente e escovar os cabelos, limpar os dentes tem a mesma, ou até maior, importância.

Saúde Oral: cuidados diários

Para manter a saúde oral adequada, é necessário realizar uma série de práticas diárias e metódicas. Vamos ver o que é esta condição e como ela é feita de maneira eficaz.